Animes Opinião

Resenha: Tokyo Ghoul (anime)

Tóquio tornou-se uma cidade cruel e impiedosa, um lugar onde criaturas ferozes chamadas “ghouls” coexistem com os humanos. Os cidadãos desta ex-grande metrópole vivem em constante medo destes selvagens sanguinários e sua sede por carne humana. No entanto, a maior ameaça que os ghouls representam é a sua capacidade perigosa de se camuflar como seres humanos e se misturar com a sociedade.

Baseado no best-seller de mangá de horror sobrenatural de Sui Ishida, Tokyo Ghoul acompanha Ken Kaneki, um estudante universitário tímido que fica imediatamente atraído por Rize Kamishiro, ávida leitora como ele. No entanto, Rize não é exatamente quem parece ser, e este encontro infeliz empurra Kaneki nas profundezas escuras do mundo desumano dos ghouls. Em uma reviravolta do destino, Kaneki é salvo pela enigmática garçonete Touka Kirishima, e assim começa sua nova vida secreta meio-humana/meio-ghoul, buscando uma maneira de viver em ambas as sociedades.

Nos interessamos em assistir TG depois que vimos algumas imagens do primeiro epi, que alguém compartilhou no Facebook. Parecia ser muito bom, e de fato o primeiro episódio foi um dos mais fascinantes que já vimos, e nos deixou naquela sede de saber o que vinha a seguir.

tumblr_nodb03xmfE1so8hrdo1_500

O primeiro episódio conta com romance, ação e suspense, e o anime já começa bem agitado até o segundo. Conforme os episódios vão passando, no entanto, o nível cai um pouco, pois a ação dá espaço a uma contextualização da história e o ritmo fica um pouco mais lento.

Mas nos garantiram que o final seria muito bom, portanto seguimos em frente. A tensão volta a crescer perto do 10º epi, e chegando ao seu ápice, literalmente, nos minutos finais do último episódio. Se você assistir somente a eles, provavelmente vai achar foda mas não vai ver toda a evolução do personagem principal, que é o que dá o tom do final da temporada – mas não estamos falando só sobre a história, a luta final é realmente emocionante.

tumblr_o1wf6iDVnG1u6348eo1_500

Falando sobre Kaneki, no geral ele é um personagem inseguro e fracote (sorry, fanboys) que vai se fortalecendo à medida em que o tempo passa. Toda a história basicamente gira em torno de seu dilema moral sobre ter se transformado em um ghoul e assim ser “obrigado” a passar a comer humanos, e ao final ele é forçado a tomar uma decisão – por isso a tensão dos últimos episódios.

7d74b623919c0a112847f991407fe541

Mas observando todo o elenco, a maioria dos personagens, na verdade, não apresenta uma personalidade consistente. O próprio Kaneki não tem como apresentar isso, claro, ele está no meio de um drama psicológico entre assumir ou não sua parte monstruosa. Porém, muitas vezes parece que ele não tem atitude nenhuma, apenas faz o que é necessário para que a história funcione (ou o anime continue acontecendo). Isso é bem marcado na transição da aparência dele, de garoto-humano-super-comum para ghoul.

tumblr_o1ho1cjSKC1u6348eo1_540
Tão gente boa tomando seu café… porque é só isso que ele consegue ingerir.

Não significa que não haja personagens carismáticos – Hide, por exemplo, é o melhor amigo humano de Kaneki, observador, e o conhece bem; a Rize, a garota por quem Kaneki se interessa e não podemos falar mais pra não dar spoiler; temos o esquisito investigador Mado, obcecado por ghouls e suas kagunes; e o excêntrico Tsukiyama, o ghoul gourmet, louco por uma oportunidade de degustar nosso personagem principal.

tumblr_npv716CHGo1uq8kyjo3_500
Essa é a Touka-chan e isso é uma kagune atrás dela, a arma dos ghouls.
tumblr_o1wficmKOA1u6348eo1_500
E esse é o lunático do Tsukiyama. Cheirando um lenço com o sangue do Kaneki. Nham!
R7l8l9O
“Quero comer o Kaneki enquanto ele a come!”. Okay.

Mas é uma pena que o anime não tenha conseguido se aprofundar mais nessas figuras, para que pudéssemos entendê-las melhor e para criar mais complexidade para a história. Também acontece o mesmo para a luta ghouls x humanos, que vemos muito pouco.

tumblr_nbdxixfGpn1qkw2uho1_500
Juuzou, personagem perturbado que dá vontade de conhecer melhor.
tumblr_notam3X1rA1r3maj7o1_500
Belo uso das cores para enfatizar os olhos e as armas, kagune contra quinque.

O estúdio responsável é o Pierrot, antigo e com nomes consagrados como Yu Yu Hakusho, Great Teacher Onizuka, Naruto, Naruto Shippuuden, Bleach, BeelzebubEmbora tenha um histórico desses, a qualidade da animação do Pierrot diminuiu muito com um de seus ultimos títulos, principalmente a partir da luta de Naruto contra Pain. Mas Tokyo Ghoul teve um cuidado diferente, e em razão disso está bem mais bonito, fluido e principalmente, sem personagens deformados (né, Pain?). Os cenários são mais dark, também incrivelmente lindos e bem feitos.

Fiquem com a abertura, cuja música inicialmente achamos estranha, até ela ganhou lugar no nosso coração e não saiu mais <3

Tokyo Ghoul
Gênero ação, drama, horror, mistério, psicológico, seinen, sobrenatural
No. de episódios 12
Temporada de lançamento Summer/2014 (terminado)
Adaptação mangá de mesmo nome (2011-2014)
Sequência Tokyo Ghoul √A
Site oficial http://www.marv.jp/special/tokyoghoul/ 

*informações retiradas do site oficial e do perfil no MyAnimeList.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *